[Infográfico] Como lidar com as distrações do dia a dia?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

O que fazer quando atividades paralelas drenam sua energia e te tiram do foco?

De acordo com o nosso CEO, Rafael Hansen, existem dois tipos principais de distrações que podem atrapalhar nossa concentração: as atividades que não são produtivas e as atividades que parecem ser produtivas, mas não o são. Esse último grupo é o mais perigoso, porque reflete uma falta de propósito ou de foco na vida. É preciso ter clareza para saber onde queremos chegar.

O real problema com o qual lidamos ao enfrentar uma distração não é a atividade que nos distrai por si só, mas a falta de motivação. Nos desconectamos com o nosso objetivo (trabalhar, estudar, finalizar um projeto, etc.) ao nos conectarmos com a sua dificuldade de execução.

Se isso aocntece com muita frequência, reveja seus objetivos. Respeite os momentos de baixa energia e valorize os de alta. Às vezes, é preciso diminuir um pouco a velocidade para alcançar suas metas, e tá tudo bem.

Busque satisfação e realização pessoal em pequenas tarefas do dia, por mais chatas que sejam. Essa satisfação é algo que temos que ter hoje, no dia a dia, e não algo que deve ser adiado apenas para o futuro. O resto é apenas a consequência de um bom trabalho.

Para sentir entusiasmo nas tarefas cotidianas, experimente a gamificação de tarefas ou outras ferramentas que facilitem a sua produtividade. Você pode conferir os métodos abordados no infográfico (Pomodoro, Blocos de tempo e “Engula este sapo”) aqui mesmo, no nosso blog.

SEGUNDA COM A SETTA

Comece sua semana recebendo nossa newsletter com os melhores hábitos e dicas sobre organização, produtividade e bem-estar.


Outros posts